ARW 2018: Associações de Caridade Eventos

 27/10/2018

500 AKZ DE CADA MENU RESTAURANT WEEK VENDIDO REVERTEM-SE AOS CENTROS DE ACOLHIMENTO CASA DO GAIATO, CASA MÃE, SANTA ISABEL E DOM BOSCO




A semelhança das edições anteriores, o Angola Restaurant Week 2018 terá uma forte componente social associada ao evento, tendo as seguintes instituições como beneficiárias:


Casa do Gaiato - Benguela


Inaugurada em 1964, em Benguela, a Casa do Gaiato foi construída por homens que tinham crescido na mesma instituição, em Portugal. Com o lema “Obra de rapazes, para rapazes e pelos rapazes”, esta instituição acolhe 110 meninos, dos 5 aos 28 anos, adoptando uma estrutura de família, onde o irmão mais velho encarrega-se do bem-estar e disciplina dos mais novos.

Numa área de 50 hectares, com 4 casas e estruturas comunitárias, a casa oferece aos seus órfãos refeições diárias, oportunidade de aprender ofícios como carpintaria, serralharia, pintura e electricidade, uma horta, algum gado bovino e suíno, bem como o compromisso de “Fazer da criança um homem”, como diz o Padre Joaquim, responsável pela instituição.

O mesmo apresentou como principais necessidades: 



  • Material didáctico, principalmente a partir da 10ª classe;

  • Alimentos não perecíveis;

  • Vestuário, principalmente para a prática de desporto.



Se quiser ajudar, seja da forma que for, queira, por favor consultar os detalhes abaixo:
Responsável: Padre Arnaldo Joaquim
Tel.: +244 943 16 05 39 | 914 08 74 86
Emails: (geral) gaiatobenguela@netangola.com | (Padre Joaquim) arnaldojoaquim1@hotmail.com

Dados Bancários:
Banco BFA
Titular: Obra Da Rua Casa Do Gaiato De Benguela
IBAN: AO06 0006 0000 0034 8133 30231 

Casa Mãe - Lubango


A Casa Mãe - Lar Otchio existe desde a época colonial e foi fundada como Lar para meninas controladas por Madres. Na época da guerra, virou lar infantil, onde albergava crianças abandonadas e perdidas das famílias. Chegaram a ter cerca de 300 crianças e actualmente continua a ser um centro de acolhimento de 21 crianças abandonadas e sem família.

Contam com apoio da TPA e rádios locais para tentar encontrar os pais/famílias das crianças antes de as deixar definitivamente no lar. As mesmas são acolhidas desde bebés até conseguirem um emprego, responsabilidade e autonomia para sair do lar.

Têm a vertente adopção, onde fazem o acompanhamento das crianças junto das novas casas e famílias, e depois dos 18 anos, agilizam o processo de adopção legal junto do tribunal.

As principais necessidades apresentadas foram:



  • Camas e roupa de cama

  • Melhoramento geral da estrutura/edifício (chão, paredes, portas, janelas)

  • Alimentos não perecíveis 



Se quiser ajudar, seja da forma que for, queira, por favor consultar os detalhes abaixo:

Directora do Lar: D. Ermelinda
Tel.: +244 925 207 373

Obra de Caridade Criança Santa Isabel - Luanda


Existente há 20 anos, o Centro Santa Isabel encontra-se no bairro Gindungo, em Viana. O mesmo acolhe 155 crianças, entre os 0 e os 16 anos, sendo algumas internas e outras externas. Tem também uma escola que que lecciona um total de 700 alunos, ajudando igualmente a comunidade de Viana e Cazenga de forma mais abrangente.

O mesmo apresentou como principais necessidades:



  • Alimentos não perecíveis;

  • Material didáctico e de higiene pessoal

  • Assistência médica



Se quiser ajudar, seja da forma que for, queira, por favor consultar os detalhes abaixo:

Responsável: Irmã Domingas Loureiro
Tel.: +244 912 201 288
Email: ocsiorg@yahoo.com.br

Dados Bancários:
Banco BFA
Titular: O.C.S.I. – Renascer e Crescer
Nº de conta: 4723745630001
IBAN: AO06 0006 0000 4723 7456 30190

Projecto para raparigas grávidas Dom Bosco - Luanda


Com vista a aumentar a resposta dos Lares Dom Bosco, para uma população em situação de rua, mas com grandes dificuldades de encontrar respostas sociais de protecção adequadas e flexíveis, decidiu comprometer-se a acolher até 10 raparigas simultaneamente na estrutura de tem disponível para este projecto.

Serão acolhidas raparigas em situação de rua com menos de 14 anos, bem como outras que, mesmo maiores de 14 anos, se encontrem grávidas ou em situação de elevada/extrema violência e vulnerabilidade. A casa terá uma equipa de 3 educadores 2 dois auxiliares que acompanharão as jovens.

O mesmo apresentou como principais necessidades:



  • Obras de melhoramento, em especial do sistema eléctrico, das instalações sanitárias/canalização e janelas, portas e redes mosquiteiros;

  • Mobiliário e electrodomésticos essenciais para o funcionamento da casa;

  • Materiais e recursos lúdicos e pedagógicos para as necessidades normais das criança e mães. 



Se quiser ajudar, seja da forma que for, queira, por favor consultar os detalhes abaixo:

Responsável: Adjaime Cadete
Tel.: +244 925 462 776
Email: salesianos.esda@gmail.com

Dados Bancários:
Banco BIC
Titular: Salesianos Dom Bosco
Nº de conta: 1863090210001
IBAN: AO06.0051.0000.1863.0902.1019.6

 

Características

Cozinhas

Localização

Comentários (0)

Novo Comentário

Contactos

0 pessoas marcaram este sítio