Na Mesa do Chef com Anselmo Silvestre: Uma Viagem Gastronómica Restaurantes

Espaço Luanda, Talatona, Luanda - Luanda
 08/07/2021

Numa altura em que menos é mais, o LNL lançou em Maio uma nova série de jantares íntimos em que o foco está na experiência em si. Na cultura da restauração, a mesa do chef fica na cozinha do restaurante, e nela sentam os convidados do chef; é a mesa mais cobiçada pois os comensais são servidos com um menu exclusivo e recebem todos os mimos e mais alguns. Estes novos jantares íntimos do LNL são inspirados nestes momentos memoráveis. Bem-vindo à Mesa do Chef…

O Chef

Co-fundador do colectivo Chef’s Table Angola e residente em Cape Town durante quase 10 anos, Anselmo Silvestre é um chef angolano em plena ascensão. Foi em 2011 que o Anselmo mudou-se para Cape Town, onde fez a sua formação em Gestão de Hotelaria no Varsity College, e a formação de culinária e pastelaria na South Africa Chef's Academy. A seguir, trabalhou no restaurante Coco Safar, na área de pastelaria, e depois rumou para o Village Idiot. Algum tempo depois deu o salto mais significativo na sua carreira: entrou para o La Colombe, considerado um dos melhores restaurantes do continente, e trabalhou também no Protégé, do mesmo grupo. Actualmente, é o chef do Espaço Luanda, em Talatona.

O Jantar

"Bem-vindos à minha viagem, espero que gostem!" Foi com estas palavras que o Chef Anselmo iniciou a 2ª edição da nossa iniciativa Na Mesa do Chef, desta vez no Espaço Luanda. E durante duas horas da passada sexta-feira, dia 25 de Junho, foi exatamente isto que fizemos...

O jantar foi divido em cinco momentos: diversos canapés acompanhados pelo Mateus Brut Sparkling Rosé; o 'prato de pão', que o chef chamou de Take me Back to Rio, servido com uma lambreta de cerveja Brava; o prato de peixe, um belo Filete de corvina servido com gimboa grelhada, batata doce e leite de coco e harmonizado com o Joostenberg Die Agteros Chenin Blanc (2018); o prato de carne, Lombo de Novilho, pure de abóbora, abóbora grelhada, redução de vinho tinto e aroma de trufa, servido com um Stark-Condé Petite Sirah; e, finalmente, o Red Velvet Cake desconstruído do chef, servido com morangos, uma bola de gelado e acompanhado por um clássico vinho do porto LBV.

Os canapés foram bife tártaro, croquettes de porco e ceviche de corvina, este último servido numa metade de limão grelhada. O Mateus Brut Sparkling Rosé foi um acompanhante à altura...



A seguir, uma brincadeira com o prato de pão: em vez do tradicional pão com manteiga, o 'Take me Back to Rio' tinha como objectivo invocar a sensação de comer um prato de picanha com faroca e feijão preto. O método: pegar no pão e besuntar o prato todo. No prato encontramos gordura de picanha, raspas de laranja, feijão preto, farinha musseque, vinagre balsâmico e manteiga derretida. À boa maneira brasileira, este prato foi acompanhado por uma lambreta de cerveja gelada. 



Depois deste pequeno intervalo, estava na hora de voltar aos vinhos. Abrimos as garrafas do sul-africano Joostenberg Die Agteros Chenin Blanc (2018), uma escolha adequada para acompanhar a subtil doçura do leite de côco que serviu de molho do Filete de corvina grelhado, gimboa grelhada, e crocante de batata doce. Adoramos o empratamento na casca de côco e as diversas folhas e flores no prato. 



Optamos pelo poderoso, escuro e robusto Stark-Condé Petite Sirah para acompanhar o Lombo de Novilho, pure de abóbora, abóbora grelhada, redução de vinho tinto. Apesar das similaridade na escrita, a casta deste vinho não é syrah mas sim durif, produzida maioritariamente na Austrália e Califórnia. Apesar de ser um pouco seco, complementou bem a textura e ternura da carne e a leve doçura da redução de vinho tinto e da abóbora grelhada.



Terminamos a refeição com o delicioso Red Velvet Cake desconstruído, que incluiu morangos frescos (tragos pela Chef Elizabeth Martins!) e um gelado caseiro de bolacha. Para acompanhar, um clássico LBV.



O nosso muito obrigado ao Espaço Luanda por nos acolher neste lanche/almoço/jantar que infelizmente teve de começar às 16h00 pelas restrições que já conhecemos, à Vista Alegre Angola pela lindíssima louça onde foi servida esta experiência, aos nossos parceiros Laihla Photography (fotos) e Prazeres d'Angola (vinhos), e claro, ao Chef Anselmo Silvestre e a sua equipa maravilha. 

Características

  • Experiência Premium
  • Preferido do LNL
  • Vinho a copo

Cozinhas

  • Angolana

Localização

Comentários (0)

Novo Comentário

0 pessoas marcaram este sítio